Colecionador de vinil revive títulos do Brasil em Copas do Mundo

Não é pelos filmes em preto e branco, nem pelas imagens em cores. Existe uma forma bem conhecida pelos saudosistas de experimentar as emoções dos primeiros títulos mundiais da Seleção Brasileira, nas Copas de 1958, 1962 e 1970: ouvindo as transmissões de rádio da época. E graças aos discos de vinil, a saga brasileira está documentada e acessível nos dias de hoje.

O colecionador José de Moura, de 60 anos, mantém um acervo com milhares de vinis na casa onde mora, em Campo Grande. Parte da coleção é dedicada ao futebol, e os discos sobre Copa do Mundo ocupam destaque nessa categoria. Ele possui uma série de álbuns que abrange as edições de 1958 a 1994. Em época de mundial no Brasil, José aproveitou para ouvir novamente trechos de jogos memoráveis e gols inesquecíveis.

– Arrepia. Volta ao tempo que a gente vivenciou, boa parte disso, de perto. É muito emocionante – disse o colecionador.

Foi pelo rádio que a maioria dos torcedores brasileiros acompanhou as campanhas vitoriosas da Seleção na Suécia, no Chile e no México. Com a crescente popularização do futebol no país naqueles anos, as grandes gravadoras passaram a produzir compactos com as transmissões originais das Copas do Mundo, acompanhadas de marchinhas. Vários selos foram lançados no mercado, em encartes caprichados e repletos de fotografias e dados sobre o escrete canarinho. Atualmente, não é difícil encontrar à venda LPs com os registros sonoros da época. Os preços variam de acordo com a condição do vinil e do encarte.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s