Retomada é sustentada pelos hipsters, aponta jornalista. Será?

A marcha da inovação propulsiona a capacidade tecnológica que alavanca níveis outrora considerados inatingíveis, produzindo novas criações que melhoram nossas vidas e comunidades. Contudo, mesmo os mais aficionados por tecnologia entre nós por vezes fica nostálgico lembrando dos dias em que todos os produtos eram tangíveis. Fotografias de família existem majoritariamente em nossos telefones. Blocos de papel estão desaparecendo. Até mesmo calendários de parede com suas adoráveis fotos de gatos são vistos cada vez menos [ok, esses até persistem, mas calendários de bolso já se foram]. Talvez o lento dissipar desses itens icônicos seja o que explique o Record Store Day.

O evento foi um tipo de celebração de retomada, criado em 2007 por artistas, consumidores e donos de lojas independentes de discos que se uniram por volta da mesma época que as vendas de música online estavam superando as desses varejistas. Naquele período, parecia que os discos seriam riscados do mapa, algo que os mais puristas veem como um esforço final para assegurar mais lucros para a indústria musical. Desde os cartuchos de 8 pistas até as fitas cassete, passando por fitas digitais, Compact Discs e MP3, as gravadoras têm nos dito como e quando ouvir algo. Eles então nos forçaram a comprar todos nossos discos antigos em novos formatos.

Interessado em ver o Record Store Day de perto, eu dei uma passada na Tres Gatos em Jamaica Plain, uma das mais ou menos doze participantes na área de Boston. O que eu esperava achar era uns tiozões procurando arrebatar o relançamento de Joan Baez ou dos Everly Brothers. Ao invés disso, eu me deparei com a febre dos discos. O lugar estava lotado de hipsters de 20 e poucos anos ávidos por vinil. Muitos deles chegaram antes da loja abrir, ficando em uma fila que dava volta no quarteirão.

LEIA MAIS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s